2 minutos de tapioquices

Agora que descobri a fórmula, não quero outra coisa. Se é vicio? Posso considerar que sim. É um vício bom e que vai durar até enjoar. “Bora” lá então saber tudo sobre as minhas tapioquices.

Foram já várias as perguntas que me fizeram:
– Onde compraste?
– Como se faz?
– Onde aprendeste?
– É fácil?

Bem, ainda não tive oportunidade de visitar os locais, em Lisboa, onde já vendem estas tapioquices. Mas basta ler algumas coisas que vão circulando e acaba por ser muito fácil fazer em casa.

Esta é uma boa solução, saudável, nutritiva e óptima para intolerantes ao glúten (tendo em conta apenas a própria tapioca… atenção aos recheios!).

Todo o conjunto é fácil de fazer e, mesmo que de manhã já estejas com pressa para sair de casa ou chegues tarde depois de um dia cansativo de trabalho, é uma opção fantástica pois pode servir tanto como pequeno almoço ou como prato principal de uma refeição.

Para começar deves comprar a tapioca hidratada. Eu compro na Terra Pura, no Centro Comercial Colombo. Podes também comprar óleo de côco para untar a frigideira, mas se for antiaderente o óleo de côco acaba por ser dispensável.

Primeiro há que saber fazer uma base bem direitinha:

Preparação de Tapioca
Deitar cerca de 3 a 4 colheres de sopa de tapioca hidratada numa frigideira ainda fria.
Preparação da Tapioca
Espalhar a tapioca com uma colher até tapar o fundo da frigideira. Acender o fogão e deixar ficar bem quente até a tapioca começar a soltar-se da frigideira.

Depois da base feita deverás já ter previamente escolhido os ingredientes para o recheio. Podes fazer um recheio salgado ou um recheio doce. Ainda não tive oportunidade de experimentar todas as variedades possíveis. É uma óptima solução para dar asas à nossa imaginação.

Tapioca com morangos e kiwi
Tapioquice Frutada – Tapioca com morangos e kiwi
Tapioquice Fit
Tapioquice Fit – Tapioca com Queijo Fresco magro, mel e granola clássica com passas
Tapioquice Banana Doce
Tapioquice Banana Doce – Tapioca com banana, mel e canela

Entretanto partilha as tuas tapiocas com a hashtag #olhaatuavolta. Acompanha no facebook ou aqui no blog novas soluções imaginativas de tapioquices.

Porque não com camarão? Ou com bacalhau?
Será que é bom com tomate seco e mangericão?
E como será com atum, alface e cenoura?
Acho que me vou deliciar com um recheio de requeijão e doce de abóbora com noz.

Ficam as dicas…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.